sem comentários ainda

Campeãs Brasileiras de todos os tempos

O primeiro Campeonato Brasileiro Absoluto de Xadrez foi realizado em 1927.  No entanto, nesta época era muito difícil encontrar uma mulher jogando Xadrez no Brasil, por este motivo, o primeiro Campeonato Brasileiro Feminino de Xadrez foi realizado somente no final na década de 50, contando com a participação de apenas 4 jogadoras, justamente pela falta de enxadristas na época.

Desde então, 17 jogadoras conquistaram o título de Campeã Brasileira de Xadrez. Confira a trajetória e as Campeãs do Campeonato Brasileiro Feminino de Xadrez.

———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Década de 50 – A primeira Campeã

A primeira edição foi realizada apenas no ano de 1957, reunindo-se quatro jogadoras para dar início ao primeiro Campeonato Brasileiro Feminino. Ewalda Ribeiro Cordioli (SP), Noemi de Oliveira (DF), Taya Efremoff (DF), e Dora de Castro Rúbio (SP) foram as enxadristas.

O torneio foi disputado no formato Round Robin (todos contra todos), em dois turnos, entre os dias 6 e 11 de maio de 1957 tendo como sede o Clube de Xadrez de São Paulo.

A paulista Dora de Castro Rúbio sagrou-se a primeira Campeã Brasileira Feminina de Xadrez. Além dela, a década de 50 ficou marcada por outras jogadoras de destaque: Taya Efremoff e Noemi Oliveira.



Nos anos seguintes, Taya Efremoff foi a primeira enxadrista a conquistar o bi campeonato, em 1958 e 1959, também destacando a colocação de Dora nos respectivos anos, conquistando o vice campeonato em ambas ocasiões.
———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Década de 60 

Na década de 60, duas jogadores dominaram o cenário nacional do Xadrez Feminino.

Dora Rúbio adicionou mais 3 títulos a sua coleção, em 1960,1961 e 1962. Nesta mesma época, surgiu um novo talento no xadrez brasileiro, Ruth Cardoso, que conquistou, e de forma única, o penta campeonato consecutivo brasileiro, 1963,1965,1966,1967 e 1968, sendo uma das únicas enxadristas até os dias de hoje a conseguir este feito.


Completando o ciclo da década de 60, em 1969 Ivone Moysés conquistou seu primeiro título brasileiro. No ano de 1964 não foi realizado o torneio.

———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Década de 70

Nos anos 70, a disputa pelo título foi mais equilibrada. Em 1971, Lígia Alvim conquistou seu primeiro e único título brasileiro.

Ruth Cardoso conquistou mais dois títulos, em 1972 e 1977 completando um total de 7 títulos em sua carreira, o que a torna a maior vencedora de campeonatos brasileiros nos dias de hoje.

Jogam as Brancas

Na posição do Diagrama, Ruth escolheu o lance mais prático da posição para jogar um final com a qualidade a mais 33. Dg6+ ?!, porém as brancas tinham um bonito arremate nesta posição 33.Txe5! e se 33…fxe5; 34.f6!

– 1973: Ivone Moysés conquistou seu segundo título brasileiro

– 1975: Maria Cristina de Oliveira conquista seu primeiro título brasileiro.

– 1976: Jussara Chaves conquistou seu primeiro título brasileiro

No final da década de 70 e início da década de 80 Lígia Carvalho conquistou o tri campeonato em 1978,1979,1980, e ainda esteve presente no pódio em outras ocasiões. Em 1970 e 1974 o certame não foi realizado.
———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Década de 80

Durante a década de 80, surgiram duas jogadoras de destaque no cenário nacional. Jussara Chaves e Regina Ribeiro se revezavam pelas primeiras colocações no Campeonato Brasileiro. Jussara Chaves conquistou o bi campeonato consecutivo em 1981 e 1982.

Em 1984, Regina Ribeiro conquista seu primeiro Campeonato Brasileiro e no ano seguinte, 1985, o bi campeonato consecutivo, após ter sido vice campeã nas primeiras edições da década de 80.

Jogam as Brancas

Na posição crítica do diagrama, Regina Ribeiro jogou um bonito lance tático 20. Cd5! e as brancas acabaram ganhando a partida alguns lances depois.

– 1986: Após 11 anos do seu primeiro título, Maria Cristina de Oliveira volta a estar entre as primeiras colocadas e conquista o bi campeonato brasileiro.

– 1987: Regina Ribeiro conquista seu tri campeonato brasileiro.

No final da década de 80 e início de noventa, surgiram duas jogadoras de destaque que marcaram presença por muitos anos entre as primeiras colocadas. A edição de 1983 não foi realizada.
———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Final da Década de 80 e início da 90 

– 1988: Palas A. Veloso venceu seu primeiro campeonato brasileiro e nos próximos anos, ficou quatro (!) vezes consecutivas na segunda colocação voltando a conquistar o bi campeonato somente em 1993.

-1989: Jussara Chaves conquista seu tri campeonato brasileiro

-1990: Regina Ribeiro conquista seu tetra campeonato brasileiro

-1991: Joara Chaves conquista seu primeiro campeonato brasileiro

Jogam as Pretas

Na posição do Diagrama, a até então bicampeã brasileira Joara Chaves jogou o preciso lance 27…g6! A partida seguiu 28.Dxh7 28…Cg5 e as brancas abandonaram 0-1.

– 1992: Regina Ribeiro volta a conquistar o título brasileiro e se torna pentacampeã.

– 1993: Palas A. Veloso conquista o bi campeonato.

Na metade da década de 90, mais um novo talento surgiu nos tabuleiros. Seu nome: Tatiana Ratcu. Conquistou seu primeiro campeonato brasileiro em 1994, e desde então foram mais três títulos consecutivos, totalizando o tetra campeonato consecutivo (94,95,96,97) e mais tarde o quinto título em 2000.

– 1998: Joara Chaves conquista o bi campeonato brasileiro.

– 1999: Paula Delai ganha seu primeiro título brasileiro.
———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Anos 2000

-2000: Tatiana Ratcu conquista mais um título e soma o quinto na carreira.

-2001: Tatiana Duarte conquista seu primeiro campeonato brasileiro

Jogam as Brancas


Na posição do Diagrama, Tatiana Duarte realizou um belo plano de ataque que lhe trouxe a vitória contra a paulista Suzana Chang, uma das favoritas ao título nos anos 2000. As brancas jogaram 29.h5! e ganharam alguns lances depois.

-2002: Joara Chaves conquista seu tri campeonato

-2003: Regina Ribeiro conquista seu sexto título brasileiro, e se torna uma das mais vencedoras de títulos de todos os tempos

-2004: Suzana Chang conquista seu primeiro título brasileiro

-2005: Tatiana Duarte conquista o bi campeonato

-2006: Regina ribeiro conquista seu sétimo título e iguala as marcas de Ruth Cardoso. As duas são as maiores detentoras de títulos nacionais da história, com sete títulos cada uma.

-2007: Suzana Chang conquista o bi campeonato

-2008: Joara Chaves conquista seu tetracampeonato

-2009: O início de uma grande batalha entre duas jogadoras. Vanessa Feliciano conquista seu primeiro campeonato brasileiro e Juliana Terao o vice campeonato.
———————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————————-

Década de 2010 e o duelo entre Juliana Terao x Vanessa Feliciano

Com exceção de 2011, Juliana Terao(SP) e Vanessa Feliciano(SC) se revezaram de 2010 até 2016 entre o primeiro e segundo lugar do campeonato brasileiro.

Vanessa Feliciano conquistou o bi campeonato em 2010 e obteve mais dois títulos em 2013 e 2014, totalizando o tetra campeonato.

2011- Artemis Guimarães conquista seu primeiro título brasileiro e ‘’quebra’’ a sequência de Juliana e Vanessa.

2012- Juliana Terao conquista seu primeiro dos cinco brasileiros que conquistou em sua carreira, sendo uma das poucas jogadoras da história a conquistar o tetra campeonato consecutivo (15,16,17,18).


Quem será a próxima campeã brasileira? Deixe sua opinião nos comentários!